André Miranda é campeão e cavaleiro da casa Marquinhos Ribeiro, 6º no GP Top Riders 2017

Nesse sábado, 9/12, no Concurso de Salto Nacional Top Riders, foi definido o ranking brasileiro Senior Top (rendimento máximo) com o GP, a 1.50 metro, válido pela 9ª e última etapa da temporada 2017. Foram 25 os conjuntos que largaram na 1ª volta e conforme a regra os 12 melhores – oito sem faltas, um com 1 ponto por excesso e três com uma falta (4 pontos) – habilitaram-se a 2ª decisiva volta com armação do course-designer internacional Hélio Pessoa. Sagrou-se campeão do GP André Américo de Miranda apresentando Charleston JMen que fechou com duplo zero, em 48s63.

André e Charleston JMen tiveram espetacular atuação

O vice GP foi Artemus de Almeida com M.E.C.G. Cassillero, também com 2 percursos sem faltas, em 49s23. Matematicamente o cavaleiro já havia garantido o título de campeão do ranking Senior Top 2007 por antecipação.

Artemus e M.E.C.G. Cassillero

Fechando a rodada dos conjuntos com duplo zero o 3º posto ficou com o top carioca Thiago Mattos com Hermes do Santo Antonio, pista limpa, 55s70. “Também armei o último GP do Ranking Senior Top no Rio e agora a exemplo do Rio essa grande final na Hípica Paulista estava bastante difícil e os conjuntos tiveram bom aproveitamento”, destacou o course-designer Hélio Pessoa. O GP distribui R$ 80 mil em premiação.

Thiago com seu Hermès do Santo Antonio

O melhor resultado da casa ficou por conta  Marcos Antonio da Costa Ribeiro Jr, o Marquinhos, com Princess de Revel  que fechou com 5 pontos perdidos (1 na 1ª volta e 4 na 2ª), em 51s52.

Marquinhos em salto perfeito com Princess de Revel

A 4ª colocação ficou com Francisco Musa apresentando Zojasper Império Egípcio, uma falta no 1º percurso e pista limpa no 2º, 47s56m, e Stephan Barcha apresentando Chevaux Unforgetable USB fechou com uma falta no 2º percurso, 49s13.

Musa e Zojasper Império Egípcio

Stephan e Chevaux Unforgetable USB

“Já tínhamos vencido outras provas importantes, mas essa foi a primeira vitória com o Charleston Jmen em um GP Senior Top”, contou o campeão e medalhista pan-americano André Miranda, 47, que está de viagem marcada. “A partir de janeiro vou competir na Europa. O Charleston também vai, mas devo competir com outras montarias para tentar uma vaga nos Jogos Equestres Mundiais 2018.”

André e Charleston JMen, de 13 anos, no galope da vitória

Artemus de Almeida é o campeão do Ranking Brasileiro Senior Top

O medalhista pan-americano Artemus de Almeida, 48 anos, sagrou-se campeão do ranking brasileiro Senior Top com 280,5 pontos. Felipe Amaral – que recém chegou aos EUA para uma temporada – foi vice 241,5 pontos e José Reynoso Fernandez Filho chegou em 3º, 216,5 pontos.

Artemus e Cassillero em plena forma

Artemus disparou na liderança do ranking com sua montaria Cassilano JMen, animal de criação nacional de 9 anos, recém exportado para o Associação dos cavalos Holsteiner na Alemanha, onde será montado top sueco e do hipismo mundial Rolf-Göran Bengtsson. E no GP Final montou M.E.C.G. Cassillero que fez sua estreia nessa altura e ainda com Pomerol TW que emplacou em 10º, animal o qual pontuou pelo ranking.

“Foi uma temporada bem homogênea. Me classifiquei em todas as oito etapas anteriores com o Cassilano: foram duas vitórias ns GPs do Clube Hípico de Santo Amaro e Agromen, fomos vice-campeões na 2ª etapa e na 4ª etapa do Brasileiro Senior Top, ambos em Curitiba, totalizando dois primeiros, dois segundos, dois quartos e dois sextos lugares. “Estou mais que satisfeito com a estreia do M.E.C.G. Cassillero em um GP Senior Top. Ele passou o ano ganhando provas de velocidade a 1.40/1.45 metro e garantiu um super desempenho a 1.50 metro, destacou Artemus.

Artemus com Cassilano JMen no Indoor SHP 2017

O cavaleiro fala com saudades de Cassilano, de 9 anos filho de Calisco JMen e Orame. “O Cassilano é cavalo muito especial. Muita gente gostava dele, toda a equipe e especialmente nossos tratadores ficaram tristes. No momento, o Cassilano ainda está em quarentena na Argentina e deve chegar na Alemanha somente no início de fevereiro”, conta o campeão do ranking brasileiro Senior Top.

“Comecei a montar o Cassilano quando ele tinha quatro anos de idade e a carreira dele foi bem pensada a longo prazo. Eu sempre soube que seria um cavalo para prova grande. Ele tinha qualidades e muita força, mas não era prodígio, foi bem construído e aprendendo aos poucos”, explicou Artemus, 48, que entra em uma fase de mudança em 2018. “Vou me mudar de Itu para Indaiatuba. Já tenho um outro cavalo para série principal mas não devo competir no ranking ano que vem. A partir de 2019 já terei cavalos novos que podem saltar bem a série forte.”

GP Final Top Riders Ranking Brasileiro Senior Top


Campeão André de Miranda / Charleston JMen – FPH – 0/0/48s63
Vice Artemus de Almeida / M.E.C.G. Cassillero – FPH – 0/0/49s23
3º Thiago Mattos / Hermes do Santo Antonio – FPH – 0/0/55s70
4º Francisco Musa / Zojasper Império Egípcio – FPH – 4/0/47s56
5º Stephan Barcha / Chevaux Unforgetable USB – FHBr – 0/4 – 49s13
6º Marcos Antonio da Costa Ribeiro Jr / Princess de Revel – FPH – 1/4/51s52

Resultados e Ordens de Entrada

 

Com Imprensa CBH ; fotos: Luis Ruas / divulgação SHP

carolaAndré Miranda é campeão e cavaleiro da casa Marquinhos Ribeiro, 6º no GP Top Riders 2017