José Reynoso Fernandez Filho com Azrael W é o campeão do GP no Internacional de Curitiba

No sábado, 13/5, o GP Internacional Cidade de Curitiba foi a principal atração na Sociedade Hípica Paranaense em Curitiba. Dos 35 os conjuntos que largaram no GP, a 1.50 metro, com armação de Vailton Jaci Cordeiro, o Baíca, os 12 melhores entre os quais somente dois sem faltas habilitaram-se à 2ª decisiva volta. Em percurso cuidadoso em busca do segundo zero, José Roberto Reynoso Fernandez Filho montando Azrael W, acabou cometendo uma falta no último obstáculo, em 48s52, um resultado que lhe garantiu a a vitória. “Os percursos do GP estavam difíceis e o Baíca foi muito feliz na armação. Dedico esse título a minha mãe e também em homenagem a todas as mães!”

Zé Roberto monta Azrael, um sela holandês de 12 anos desde os três anos. “O Azrael é um show, acho que ele vai acabar ficando comigo para sempre”, ponderou Zé Roberto, 36, que acaba de retornar de uma temporada nos EUA, onde vendeu o cavaleiro sua montaria Galip e Azrael W, que também despertou interesse no mercado, retornou ao Brasil.

Zé e Azrael W a caminho da vitória em Curitiba; img: Grace Carvalho

O top carioca Tiago Mesquita montando Ellechin Ter Door, dupla com pista da 1ª volta, também cometeu um derrube em 51s21 sagrou-se vice-campeão.Já o 3º posto ficou com o integrante do Time Brasil na Rio 2016, Stephan Barcha apresentando Unforgettable Chevaux, que fechou a 1ª volta com cinco pontos e zerou a 2ª, em 48s67. Em mais uma brilhante atuação, o cavaleiro pan-americano Artemus de Almeida com Cassilano JMen, vice-campeão no GP do The Best Jump 7/5 , foi 4º colocado, sem faltas na 2ª volta, em 48s73, fechando com os cinco pontos trazidos da 1ª passagem. Completaram o placar na 5ª e 6ª colocação, Marcello Ciavaglia montando Conto RJ e o jovem talento Alberto Sinimbu com Sharapova, ambos com 8 pontos (4 a cada volta), respectivamente, em 47s18 e 48s20.

A disputa também foi válida pela 2ª de 9 Etapas do Ranking Brasileiro Senior Top e Liga Sul Americana para a Final da Copa do Mundo 2018. Todas as etapas com exceção do Campeonato Brasileiro devem obrigatoriamente realizar uma prova preparatória com chamada mínima de 1,45m e o Grande Prêmio com chamada mínima de 1,50m, em que a prova preparatória tem peso 1 na contagem de pontos e o Grande Prêmio, 1.5. No Campeonato Brasileiro Sênior Top 2017 as duas provas têm peso 02 e não podem ser descartadas. Cada etapa tem premiação mínima de R$ 80 mil no Grande Prêmio, e mínima de R$ 15 mil na prova preparatória. A premiação do Campeonato Brasileiro será divulgada em breve. O campeão brasileiro senior top 2017 também levará um carro O km. Aguarde a contagem parcial oficial após 2 de 9 etapas.  A 3ª Etapa do Ranking Brasileiro acontece na Sociedade Hípica Paulista, na 46ª Copa São Paulo, entre 31/5 e 6/6. Zé Reynoso é tricampeão consecutivo 2014/2015/2016.

Resultados completos.

Agenda Campeonato Brasileiro Senior Top
1ª Etapa CSI-W*** Cidade de Porto Alegre – The Best Jump – 04 a 07 de maio – SHPOA – RS
2ª Etapa CSI-W** Cidade de Curitiba – 11 a 14 de maio – SHPr – PR
3ª Etapa 0CSN Copa São Paulo – 31 de maio a 04 de junho – SHP – SHP
4ª Etapa CBS – Campeonato Brasileiro Senior TOP – 03 a 06 de agosto – SHPr – PR
5ª Etapa CSI-W** 40º Cidade Rio de Janeiro – 17 a 20 de agosto – SHB – RJ
6ª Etapa CSN 82º Aniversário do CHSA – 06 a 10 de setembro – CHSa _ SP
7ª Etapa CSI-W** Indoor – 20 a 24 de setembro – SHP – SP
8ª Etapa CSN Agromen – 11 a 15 de outubro – Orlandia – SP
9ª Etapa e Final CSN Top Rider – 07 a 10 de dezembro – SHB – RJ

 

 

Fonte: SHP com infos CBH; fotos: Grace Carvalho e Mundo Hípico / cedidas

carolaJosé Reynoso Fernandez Filho com Azrael W é o campeão do GP no Internacional de Curitiba